CSS - followUS_icons

CSS_Brands_Megadropdown menu

CSS - BabyandMe POPIN

esconder navegacao

estilo para links e listas

esconder rendimento e cooking time

Compartilhar eLearn Article
X
Alimentos que deve evitar na gravidez

7 trocas de alimentos simples que deve considerar antes de engravidar

Comer bem, agora, pode ter um impacto positivo na sua gravidez, bem como um efeito duradouro na saúde do seu bebé.

Se tomou a decisão emocionante e transformadora de começar uma família, comer saudavelmente e preparar o seu corpo para a gravidez são os primeiros passos a dar na sua jornada. “Mesmo antes de ter concebido, a sua dieta e estilo de vida podem ter um impacto na saúde e bem estar do seu futuro bebê,” explica Roberta Portes, nutricionista da Nestlé Nutrition.

 

“Uma dieta pré-conceção saudável deve incluir as calorias e nutrientes necessários para preparar o seu corpo para a gravidez, e para assegurar a saúde futura do bebê,” continua Portes. “Fazer uma alimentação que inclua quantidades adequadas de fruta, vegetais, cereais e proteína – acompanhados de um estilo de vida ativo que exclua álcool e tabaco – é consistente com as recomendações de saúde para mulheres que estão a tentar engravidar.”

 

O seu desafio de trocas simples

Não precisa ser difícil – bastam algumas mudanças simples para fazer uma grande diferença e tornar uma alimentação mais saudável. Veja a lista abaixo dos alimentos a evitar na gravidez e, se descobrir mudanças que é capaz de fazer, aceite o desafio de fazer estas sete trocas inteligentes ao longo dos próximos sete dias. Ao fazer uma mudança simples por dia, vai poder descobrir, em apenas uma semana, como a sua alimentação passou a ser mais rica em fibra, vitaminas B e zinco, com menos consumo de sal, açucar gorduras saturadas e cafeína. Boas notícias para você – e para o seu bebê que está por nascer!

1) TROQUE pão branco POR pão integral  []

O pão integral tem mais fibra que a maioria das variedade de pão branco. Isso acontece porque o pão integral é feito com todas as partes do cereal, mas o pão branco é refinado e perde alguma fibra no processo. A fibra auxilia a digestão e ajuda a prevenir a prisão de ventre. Alimentos ricos em fibra (incluindo cereais integrais, frutas e vegetais) também podem fazer-nos sentir mais satisfeitos do que alimentos com menos fibras.

2) Troque os hamburgers de takeaway POR filés de frango  [] 

Alimentos processados, como os hamburgers, salsichas ou nuggets de frango, costumam ter um teor elevado em sal e gorduras saturadas. Opte antes por passar no supermercado e selecione cortes de qualidade de carnes magras, peixe e aves. Por exemplo, filés de frango são super fáceis de preparar. Desta forma, sabe exatamente o que leva a comida que tem no prato.

3) Troque refrigerantes açucarados POR água com gás  []

Pode parecer uma forma inocente de se hidratar, mas uma lata de 330ml do seu refrigerante favorito pode conter até sete colheres de chá de açúcar o que deve evitar na gravidez. Os sucos podem parecer uma alternativa saudável, mas podem estar repletos de calorias também – más notícias para quem está controlando o seu peso. Se precisa de um pouco de efervescência na sua vida, experimente água gaseificada com um pouco de limão ou lima bem frescos. 

4) Troque cereais açucarados POR cereais integrais e fortificados  []

Mesmo os cereais vendidos como saudáveis podem conter níveis elevados de açúcar e sal por porção. Escolha antes cereais integrais e aveia, ricos em vitaminas B e em fibra, que ajuda à digestão e pode ajudar a sentir-se saciado. Procure também cereais fortificados ou enriquecidos com ácido fólico, ferro e zinco. O ácido fólico é uma vitamina B, reconhecida por diminuir os riscos de certos defeitos congénitos. Ferro e zinco são minerais muito importantes. O ferro ajuda o sangue a transportar oxigénio no seu corpo e o zinco auxilia o sistema imunitário. Junte um pouco de doçura natural com fruta fresca, como banana ou frutos vermelhos, ou um pouco de textura crocante com sementes e frutos secos torrados.

5) Troque café POR bebidas sem cafeína  []

Limitar a quantidade de cafeína que bebe é uma escolha inteligente para evitar durante a gravidez. Por isso, tente cortar agora. Estudos científicos revelaram que níveis elevados de cafeína podem ser, potencialmente, um fator contribuinte no aborto espontâneo. Encha antes a despensa com toda uma gama tentadora de opções sem cafeína. E se ainda não tem o hábito de beber água nas refeições e ao longo do dia, agora é a melhor altura para começar.

 

6) Troque as bolachinhas POR fruta fresca  []

Um doce ocasional não faz mal nenhum, mas comer muitas bolachas, bolos e sobremesas todos os dias não é boa ideia e deve ser evitado na gravidez. Estes tipos de alimentos costumam ter teores elevados de calorias e gorduras saturadas. Se costuma comer umas bolachinhas com o seu café da manhã, experimente trocar por uma peça de fruta fresca, como uma banana. Tem o benefício adicional da vitamina B6 – um nutriente essencial antes e durante a gravidez que ajuda o corpo a criar células novas.

7) Troque os panadinhos de peixe POR filetes de peixe  []

Comer peixe é ótimo para si e para o seu futuro bebê. O peixe é rico em zinco, que ajuda o seu sistema imunitário, e em vitamina B12, que é necessária para produzir glóbulos vermelhos. O peixe contém igualmente DHA, um ácido gordo omega-3 que ajuda no desenvolvimento saudável do cérebro e visão do seu futuro bebê. Mas ir buscar o seu peixe à área dos congelados, na qual muitas vezes estão preparados com polme ou empanados, não é tão bom como selecionar versões frescas, saudáveis e de proteínas magras, como filés de salmão ou peixe branco.

Do you find this article helpful?
  • Insuficiente
  • Suficiente
  • Comum
  • Boa
  • Muito bom

Become a My first 1000 Days Club Member

Motherhood comes with countless question. We are here to help you find answers and make every one of your baby's first 1000 days count.

Buscar

Ainda não encontrou
o que você estava procurando?

Experimente o nosso novo e inteligente mecanismo de busca. Nós sempre teremos algo para você.