CSS - followUS_icons

CSS_Brands_Megadropdown menu

CSS - BabyandMe POPIN

CSS - Benefits

CSS - Nutritional-Program

CSS GERAL MUCILON PRODUCTS

esconder navegacao

estilo para links e listas

esconder rendimento e cooking time

Compartilhar Artigo
X
Como ajudar a Criança a adquirir Bons Hábitos

Importância das Frutas e Legumes na Nutrição da Criança

Todos sabemos que devemos comer cinco porções de fruta e vegetais por dia. Isso também se aplica ao meu filho?

Quarta-feira, Julho 13th, 2016

Uma alimentação adequada e saudável é fundamental para o crescimento e desenvolvimento da criança, devendo ser composta por uma variedade de alimentos que fornecem todos os nutrientes necessários (carboidratos, proteínas, lipídeos, vitaminas e minerais) e uma diversidade de cores, sabores, texturas e cheiros. As experiências com novos alimentos, suas cores, sabores, texturas e cheiros ajudam a criança a ter uma alimentação variada no futuro.

Para garantir essa variedade de nutrientes e as experiências alimentares, é necessário montar um prato que ofereça um alimento de cada grupo:

1. Cereais ou raízes ou tubérculos (ex. arroz ou mandioquinha ou batata)
2. Feijões ou leguminosas (ex. feijão ou lentilha ou ervilha)
3. Carnes ou ovos (ex. frango ou carne bovina ou ovo)
4. Legumes ou verduras (ex. cenoura ou beterraba ou couve ou brócolis)
5. Frutas

Cada grupo de alimento tem sua importância na oferta de nutrientes essenciais. Verduras, legumes e frutas correspondem 50% da composição do esquema alimentar de uma criança, contudo, observa-se que algumas crianças apresentam maior recusa por esses alimentos; especialmente após os 18 meses, quando começam a reconhecer os alimentos e expressar certas preferências.

Verduras, legumes e frutas são fontes de vitaminas, minerais, fibras e outros nutrientes importantes ao crescimento e desenvolvimento das crianças. Sua deficiência devido à falta ou baixo consumo implica em doenças e prejuízos ao crescimento e desenvolvimento infantil.

Funções das Vitaminas, Minerais e Fibras na saúde da criança

Nutriente

Função

Vitaminas e Minerais

São nutrientes essenciais para manter o equilíbrio das funções orgânicas, protegendo as células contra danos, auxiliando o sistema imunológico, atuando como agentes antioxidantes, na regulação do metabolismo e proporcionando bom crescimento e desenvolvimento à criança.

Fibras

São partes de vegetais não digeríveis, que auxiliam o bom funcionamento do intestino da criança, além de contribuir como o sistema imunológico e prevenir doenças.

 

Apesar da grande variedade destes alimentos e suas vantagens nutricionais, observa-se baixo consumo entre as crianças, por diversos fatores (paladar mais acostumado ao sabor doce e salgado, experiências com o alimento, sensibilidade às texturas, entre outros), mas há uma relação direta da aceitação destes pela criança e consumo pela família.

Legumes e verduras, por exemplo, muitas vezes não são consumidos por algumas famílias por não saberem como prepará-los de forma saborosa, e aqueles de “cor verde” remetem ao sabor amargo, não sendo muito aceitos. Já os que têm as cores vermelha, laranja e amarela são mais associados a um sabor “mais doce” e são mais bem aceitos.

Também não é muito comum o hábito de comer frutas em algumas famílias e quando a criança percebe isso, passa a rejeitá-las.

A maneira como será conduzida a introdução ou a oferta destes alimentos à criança requer mudança de hábitos da família, paciência e muita criatividade.

Dicas para oferecer legumes, verduras e frutas às crianças:

1. Se a família não tem o hábito de consumir legumes, verduras e frutas, a primeira dica é procurar incluir esses alimentos na rotina e investir em preparações diferentes;

2. Apresentar para a criança o mesmo alimento até 10 vezes pode contribuir para a aceitação da criança, passando pela experiência de trazer receitas e formas de preparo diferenciados;

3. Use temperos de realcem o sabor de verduras e legumes (como ervas e azeite).

4. Para melhorar a aceitação de legumes e verduras, inicie pela oferta daqueles menos amargos como cenoura, beterraba, alface, espinafre;

5. Durante a refeição, prepare um pouco do alimento que vai oferecer a criança para você também e a incentive a comer, consumindo junto com ela;

6. Permitir que a criança conheça e brinque com verduras e legumes é importante para vencer a aversão a esses alimentos;

7. Apresente os alimentos, preferencialmente, de forma separada para que a criança sinta os cheiros, sabores e texturas diferenciadas. Mas se a criança é muito resistente, talvez vale a pena deixá-la tocar e cheirar a verdura ou o legume. Inventar desenhos com esses alimentos pode ser uma boa estratégia para melhorar sua aceitação;

8. Vale ser criativo ao expor a criança às verduras: como decoração de um prato ou apresentá-las, inicialmente, misturadas a um alimento da preferência da criança (ex. arroz com brócolis picado, bolinhos de carne com pedacinhos de couve, beterraba em cubinhos no feijão);

9. Ofereça frutas em diferentes formatos ou preparações: picadas, na forma de purês, misturadas (até 2 frutas) de cores diferentes com cereais;

10. Crie um ambiente harmonioso e divertido durante as refeições: evite o uso de celulares, televisão, ou algo que distrai a criança. Deixe a atenção dela voltada para o alimento e crie brincadeiras (ex. aviãozinho, teatrinhos).

11. Para crianças maiores, uma boa estratégia para auxiliar na aceitação dos alimentos pode ser trabalhar jogos com os alimentos, explicar sua origem e sua importância na saúde;

12. Proporcionar que a criança participe da escolha dos alimentos também pode ser algo que facilita sua aceitação. Deixa-a participar das compras na feira ou no supermercado.

Se quer saber mais sobre receitas que possam te auxiliar no esquema alimentar de seu filho, acesse as receitas do nosso site:

Dicas de Preparação com frutas: 

- Camadinhas de Mamão com Uva Verde

https://www.nestlebabyandme.com.br/camadinhas-de-mamao-com-uva-verde

Dicas de Preparação com legume: 

- Sopa de beterraba com carne

https://www.nestlebabyandme.com.br/sopa-de-beterraba-com-carne

* Consulte seu médico ou nutricionista para ver o consumo de sal pelo seu filho nesta receita.

Dicas de Preparação com Verdura: 

- Creminho de Batata e agrião

https://www.nestlebabyandme.com.br/creminho-de-batata-e-agriao

 

 

Referências Bibliográficas

Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção Primária à Saúde. Guia Alimentar para crianças menores de 2 anos. 2019.

Sociedade Brasileira de Pediatria. Pirâmide Alimentar. 2012

Sociedade Brasileira de Pediatria. Manual de Alimentação da Infância à Adolescência. 4ª. Ed. 2018

Sociedade Brasileira de Pediatria. Manual de Orientação: Obesidade na Infância e Adolescência. 3ª. Ed. 2019.

Manual Prática de Alimentação Complementar. Nestlé, 2020.

Ler mais

Faça Parte do Clube dos Meus Primeiros 1000 dias

Tranquilidade na maternidade a apenas um clique de distância. Faça parte.

Conteúdo relacionado
As mães comentam este artigo0/5
avatar
Buscar

Ainda não encontrou
o que você estava procurando?

Experimente o nosso novo e inteligente mecanismo de busca. Nós sempre teremos algo para você.