Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

CSS - followUS_icons

CSS_Brands_Megadropdown menu

esconder navegacao

estilo para links e listas

esconder rendimento e cooking time

Compartilhar Artigo
X
Pai e filha

Saiba o que é a Rede de Apoio

A criação precisa de suporte e quem auxilia nele interfere positivamente na rotina da criança e dos pais. 

Larissa Santana

Quarta-feira, Setembro 16th, 2020

A chegada de uma criança ao berço da família, além de uma grande felicidade, resulta em algumas dificuldades no período de retorno a rotina. Na sociedade atual, pais e mães trabalham, estudam, têm projetos pessoais ou outras atividades. E tá tudo bem! A paternidade e a maternidade não significam ter que excluir seus planos.

Mas é a partir desta necessidade que nasce a Rede de Apoio, que é o grupo com quem os pais podem contar. A Rede une tudo e todos que ajudam com suporte seja conversando, cuidando ou transmitindo experiências.

 

“Se não fosse as avós dela (filha) eu estaria perdida”

 

A Rede de Apoio pode começar com quem convive com a rotina da criança bem de perto, em uma pesquisa as avós aparecem como a principal fonte de experiência, confiança, presença e cuidado. E muitas delas são consideradas principal influência nas decisões em relação aos filhos.

 

A história da mamãe da Ana Júlia, a Monica Elizabeth, conta como a vivência com as avós ajudam muito ela a conseguir manter a sua rotina de trabalhar, principalmente neste período da pandemia que a Júlia não está estudando. “Minha filha é o meu tesouro, não poderia deixar ela com qualquer pessoa. E esse apoio vindo da família me passou muita segurança, quando as avós dela (filha) me ofereceram ajuda vi nelas um suporte para trabalhar tranquila”, explica.

 

Mônica, sua mãe Conceição e sua filha Júlia em uma reunião familiar.

 
 

O desafio de manter a rotina

 

E além dos desafios que já estão inclusos na criação uma criança, a imagem da mulher na sociedade vem sendo cada vez uma figura mais ativa no mercado de trabalho, o que gera mais um desafio. “Ir para o trabalho todos os dias é sempre uma despedida, eu tomo todo cuidado por ter que sair neste momento, mas a minha insegurança seria maior se eu tivesse a certeza que a Júlia está sendo tão bem cuidada, quanto se estivesse comigo”, afirma Mônica que tem trabalho durante todo este período da pandemia.

 

 

“O suporte da minha amiga era essencial”

 

Essa ideia vai além de contar apenas com o apoio familiar, são os amigos, a escola que permite os pais trabalharem ou a fonte de informações na hora das dúvidas, e sabemos que não são poucas!

 

No caso da Karen Maryana a rede de apoio é formada pela escolinha do Pietro, seu filho, e a sua amiga que ajudava ficando com ele até ela chegar do trabalho. “É muito bom trabalhar e ter a segurança que meu filho está bem, eu deixava ele na creche antes de ir, mas o horário não dava pegá-lo. Uma amiga minha me dava esse suporte ficando com ele na minha casa mesmo, até eu chegar. Era essencial para eu trabalhar tranquila sabendo que ele tinha toda atenção que precisasse”, explica Karen.

 

 

Ter portos seguros é preciso na maternidade

 

A criação começa na gestação, passa por cuidados como a troca de fraldas, depois a entrada na creche, com os anos elas mudam, mas nunca acabam. E as avós são uma das maiores referências, principalmente para as mamães de primeira viagem, e é maravilhoso poder contar com a ajuda delas durante o crescimento da criança.

 

Júlia em sua festa de aniversário

Júlia em seu último aniversário acompanhada de uma prima e suas duas avós que cuidam dela.

Na história da Graziele que é mãe de duas meninas, também só consegue trabalhar graças a ajuda da sua mãe que faz costuras para venda, mas de casa, e pode ficar com as suas filhas. “Tenho duas filhas e minha mãe me ajuda muito para que eu consiga trabalhar. É muito gratificante saber que tenho meu porto seguro para contar e tão bonito ver a relação dela com as meninas. Assim, como ela foi uma ótima mãe, ela me ajuda muito sendo uma avó maravilhosa”, fala Grazi mamãe da Yasmim e da Maria Júlia.

 

 

Você tem com quem contar!

 

Relatos como este da Mônica, da Karen e da Graziele só reforçam de como é necessário ter e nutrir uma Rede de Apoio na família, nos amigos e em influências para se viver os diferentes papéis e jornadas. E no meio dessa jornada você pode contar com Nestonutri!

 

Ler mais

Faça Parte do Clube dos Meus Primeiros 1000 dias

Tranquilidade na maternidade a apenas um clique de distância. Faça parte.

  • Aprenda sobre nutrição no seu próprio ritmo
  • Experimente ferramentas práticas, feitas sob medida
  • Obtenha a ajuda e as respostas que você precisa, sem perda de tempo

Vamos Começar!

Conteúdo relacionado
As mães comentam este artigo0/5
Buscar

Ainda não encontrou
o que você estava procurando?

Experimente o nosso novo e inteligente mecanismo de busca. Nós sempre teremos algo para você.